quarta-feira, 30 de maio de 2012

DEPUTADO DA ORAÇÃO DA PROPINA SE ENTREGA A POLÍCIA


O ex-deputado distrital evangélico Júnior Brunelli (sem partido), que ficou conhecido nacionalmente ao ser flagrado em vídeo fazendo a "oração da propina", se entregou à polícia por volta de 12h deste domingo, 27 de maio. Brunelli é suspeito de chefiar um esquema de desvios de recursos que somam quase R$ 2 milhões.

Oração da propina
O ex-deputado ficou conhecido pela "oração da propina". Ele foi flagrado em vídeo orando após receber dinheiro do esquema de propina das mãos de Durval Barbosa, o delator do esquema do 'mensalão do DEM'. O esquema de propina foi descoberto pela Operação Caixa de Pandora, da Polícia Federal, que aconteceu durante o mandato do então governador José Roberto Arruda (sem partido), em 2009. Após a operação, Arruda foi preso e renunciou ao mandato. Aqui no blog noticiamos o fato.

Renúncia
Em março de 2010, o deputado Júnior Brunelli (na época filiado ao PSC) entregou à Mesa Diretora da CLDF (Câmara Legislativa do Distrito Federal) sua carta renúncia ao cargo de deputado distrital e escapou da cassação. Brunelli era alvo de processo por quebra de decoro parlamentar por aparecer em um dos vídeos da operação Caixa de Pandora recebendo dinheiro do ex-secretário de Relações Institucionais, Durval Barbosa.
VEJA O VIDEO ESCADANDALIZOU O BRASIL:


 

NOTA DO BLOG : VIVEMOS TEMPOS DIFICEIS, ONDE O EVANGELHO É ESCADALIZADO E UZADO AO BEL PRAZER DE HOMENS, MAS CREIO NA PALAVRA QUE DIZ: " AI DAQUELE POR QUAL VEM O ESCANDALO" 

Total de visualizações de página