quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Pastores fazem campanha “Anti-PT” na internet



Pastores fazem campanha "Anti-PT" na internet


O pastor Antônio Carlos é ligado à Igreja Batista da Lagoinha, em Belo Horizonte, e responsável pelo ministério BRIT, palavra hebraica que significa Aliança e 70 Nações, ou seja, todas as nações da terra. Diferentemente da maioria dos pastores, ele não tem medo de se pronunciar publicamente sobre as questões políticas do país e vem fazendo uma campanha de esclarecimento através de seu site e e-mails.
Em conversa com o portal Gospel Prime, contou que seu ministério online é interdenominacional, e foi criado em 2003. Atualmente o site tem entre 3 e 4 mil acessos diários e semanalmente envia 10.000 e-mails. Além de enviar mensagens bíblicas, o pastor Antônio vem fazendo um alerta aos evangélicos sobre a necessidade deles se posicionarem politicamente.
O pastor explica que durante muito tempo não se envolveu diretamente na política, mas depois de ter um entendimento maior do Livro de Deuteronômio, concluiu que não podia ficar calado. “O Brasil está à beira do abismo. Se você deixar de votar, votar nulo ou em branco, ou em pessoas que aceitam a destruição do cristianismo, de acordo com a Palavra de Deus, não se isentará diante Dele. O sangue das pessoas que convivem comigo, não será cobrado de mim”, explica.
Para ele, a Bíblia é bem clara quando diz em Deuteronômio 16:18-22 que é preciso escolher representantes que façam justiça e não sejam corruptos. Faz um alerta sobre a necessidade do envolvimento dos evangélicos com a política no Brasil atualmente, “é uma atitude impositiva e crucial, pois estamos submetidos a um governo comunista, que quer destruir a cristandade, perverter a infância e destruir a família. Quando um comunista diz que crê em Deus, está mentindo, pois a base da ideologia marxista é que o Estado sobrepuja a Deus”.
Em 2010, o pastor Paschoal Piragine, presidente da Convenção Batista Brasileira, publicou um vídeo na internet onde aconselhava os fiéis a não votar no PT e isso lhe rendeu muitas críticas e até perseguição. Este ano, Antônio Carlos está fazendo algo parecido, usando seu site e banco de dados de e-mails para pedir que os evangélicos não deem seu voto para nenhum candidato do Partido dos Trabalhadores, pois seu objetivo declarado é implantar o comunismo no Brasil e historicamente os comunistas sempre defenderam o ateísmo e perseguiram as igrejas.
O pastor Luciano Carvalho, também tem usado a internet para falar abertamente contra o PT. Ele ecoa os argumentos de Antônio Carlos, pois condena as ligações dos petistas com o Foro de São Paulo, organização que tem por objetivo implantar a ideologia Comunista em toda a América Latina. Também se preocupa com as constantes acusações de que o PT possui ligações estreitas com as FARC, o governo cubano e outros grupos políticos e ideológicos que reconhecidamente contrariam os preceitos defendidos pelos cristãos.
Embora Everaldo e Marina Silva, que também estão na corrida presidencial, sejam evangélicos, os pastores que conversaram com o Gospel Prime entendem que o apoio deveria ser dado a quem tem mais chances de evitar a reeleição de Dilma e no momento as pesquisas apontam que seria Aécio Neves. Eles também pedem que os evangélicos orem por essas eleições antes de escolher seus candidatos a deputado, senador e governador, e que cada um analise bem se suas propostas são contrárias aos valores cristãos.
Existem muitos outros pastores e líderes se posicionando contra o PT. Possivelmente, Silas Malafaia, presidente do Conselho de Pastores do Brasil é o mais veemente, dado o tom de suas cobranças na TV e na internet. “O PT procura os evangélicos de quatro em quatro anos. Entre as eleições, eles são contra tudo que é de valor para os evangélicos. Estamos ficando mais espertos”, afirmou ao Broadcast Político.
O pastor e deputado Marco Feliciano também critica duramente as políticas do PT em suas redes sociais. Para Feliciano, o PT ataca a democracia e quer transformar o Brasil em uma nova Venezuela.


Fonte: GOSPEL PRIME NOTICIAS

Total de visualizações de página