segunda-feira, 15 de julho de 2013

Sessão Solene Destaca Papel Do Pastor Na Sociedade no Estado do Espirito Santo


A Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales) realizou pelo quinto ano consecutivo na sexta-feira (14/06) a sessão solene em comemoração e homenagem ao Dia do Pastor. A sessão, transmitida pela TV-Assembleia, foi aberta pela proponente, deputada Aparecida Denadai (PDT). O pastor Antônio Xavier para fazer a leitura do texto bíblico de 1 Pe 5.2-4. A Solenidade contou com a participação do Coral Homens Cantores de Vitória e do Quarteto
ALES: Sessão Solene destaca papel de pastores na sociedadeA deputada Aparecida Denadai justificou a homenagem aos pastores comentando sobre o exercício do ofício pastoral. Destacou o trabalho realizado pelos líderes evangélicos que passa despercebido pela sociedade. “O trabalho do pastor ou da pastora em suas igrejas e comunidades, em todo o Estado, é pela causa social. O Estado muitas vezes não acredita na recuperação do homem, a igreja não”, defende a parlamentar ao lembrar as ações de entidades religiosas no combate e movimentos pela recuperação de dependentes químicos. Disse ainda que: “Se as igrejas pararem suas atividades ou fecharem suas portas haverá um caos total. Os pastores realizam um trabalho que beneficia o povo sem custo para o Estado. As igrejas estão cheias de ex-drogados que são recuperados e devolvidos à sociedade sem custo para o Estado, usando apenas a Bíblia!”
ALES: Sessão Solene destaca papel de pastores na sociedadeHomenageado com a Comenda João Ferreira de Almeida, o Pastor Manoel Salvino de Freitas refletiu o processo de formação de um bom pastor. Ilustrou sua mensagem com a seguinte reflexão: “Certo general foi interrogado se, no caso de ocorrer uma guerra, preferiria perder mil rifles ou um soldado? Sem hesitar respondeu: mil rifles, e justificou, “porque as fábricas gastariam cerca de uma hora para fabricarem aquelas armas, mas para se formar um soldado levaria, no mínimo, dezoito anos”. – “Ninguém nasce formado ou preparado, soldado ou pastor, é preciso passar por uma preparação séria, é preciso ter vocação”, ressaltou o pastor Salvino, que é vice-presidente da Convenção Fraternal das Assembleias de Deus no Espírito Santo (Confratres), e fez coro ao discurso de Aparecida dizendo acreditar que só “agora que o poder público está dando atenção aos pastores e sua influência na sociedade”.
ALES: Sessão Solene destaca papel de pastores na sociedadeNesta solenidade também foi homenageado o pastor Paulo Pontes, líder da Assembleia de Deus Missão Jesus é a Resposta, e diretor da revista cristã online Seara News, que vem se destacando na área da comunicação do contexto evangélico.
Presente na sessão o deputado Luiz Durão (PDT) também apontou o papel das igrejas no controle da paz social. “Às vezes muitas pessoas dizem que cada esquina tem uma igreja, e bem que poderíamos ter duas. Assim não teríamos tanta violência no país”, defendeu o parlamentar.
Convidado da proponente, o promotor de Justiça do Estado, Dr. Luiz Renato Azevedo da Silveira, que recebeu prêmio nacional dos direitos humanos, do MNDH, em breve discurso agradeceu aos pastores pela importância de seus trabalhos junto da sociedade e por “conduzirem os evangélicos no caminho da integridade moral”.
Fonte:http://searanews.com.br

Total de visualizações de página