terça-feira, 3 de junho de 2014

Marcha Para Jesus no Rio de Janeiro foi marcada por discursos de paz e contra perseguição a evangélicos; Veja vídeo e fotos




A Marcha para Jesus no Rio de Janeiro realizada no último sábado, 31 de maio, reuniu mais de 600 mil pessoas de acordo com a estimativa da Polícia Militar, além da presença de diversos artistas gospel.
O evento, iniciado por volta das 15h30, percorreu trechos das avenidas Presidente Vargas e Rio Branco, no centro do Rio, e concentrou a multidão na Cinelândia. A organização da Marcha para Jesus no Rio de Janeiro é de responsabilidade do Conselho de Ministros Evangélicos do Estado do Rio de Janeiro (COMERJ), presidido pelo pastor Silas Malafaia.


Durante a Marcha rumo à Cinelândia, e já na concentração do evento, foram realizados momentos de oração e intercessão por motivos como o Brasil, libertação de vícios, cidades do Rio de Janeiro, paz, autoridades governamentais, mulheres, Copa do Mundo, família, entre outros.
O pastor Silas Malafaia alertou para “um jogo político do inferno” quando comentou a “perseguição” contra a psicóloga Marisa Lobo, que teve seu registro profissional cassado pelo Conselho Regional de Psicologia (CRP-PR) por conta de sua expressão de fé.
No palco da Marcha, os cantores Fernandinho, Kleber Lucas, Raquel Mello, Anderson Freire, André Valadão, Rachel Malafaia, Jotta A, Flordelis, Renascer Praise, Eyshila, Fernanda Brum, Ministério Apascentar, Michelle Nascimento, Gospel Night, Jozyanne, Nani Azevedo, Perlla, Comunidade Internacional da Zona Sul e Tonzão embalaram o evento ao som de suas principais músicas.
A edição 2014 do evento marcou a quebra de um recorde de público, que havia sido obtido no ano anterior, com 500 mil pessoas. Realizado há 27 anos, a Marcha para Jesus surgiu em 1987, em Londres, e hoje é tido como um dos principais eventos de expressão de fé no planeta.



Total de visualizações de página